sexta-feira, 26 de abril de 2013

Bolo de Tapioca Gelado (Bolo Podre)

Olá, pessoal!

Hoje trago para o blog uma novidade que simplesmente adorei conhecer lá no Nordeste, e tive uma certa pressa em ensaiar aqui em casa: o bolo de tapioca gelado, também conhecido como "bolo podre". Conheci esse bolo no café da manhã do hotel onde nos hospedamos em João Pessoa. Como ficamos por lá muitos dias, ao acordar ficava torcendo os dedinhos para que tivesse o bolo de tapioca... hehehe

Enfim, não resisti e perguntei à Chef como era feito aquele bolo, já que aparentava não ser assado. Ela me falou por alto, e de fato, a novidade incrível desse bolo é que ele não vai ao forno: é como se fosse uma sobremesa gelada, mas em forma de bolo!

Voltando a Curitiba, fui pesquisar a receita, pois bateu uma saudade daquele sabor junto com o cafezinho de todo dia... E ontem foi o ensaio! O resultado foi perfeito, e por isso merece ser compartilhado!

Então vamos lá: antes, conhecer a carinha dessa delícia; depois vamos ao preparo - que é muito fácil!



Bolo de Tapioca Gelado (Bolo Podre)



O que você vai precisar:

- 1 pacote de tapioca 500g (usei a Yoki)
- 1 litro de leite
- 2 pacotes de côco ralado 100 g (integral, não use o côco úmido e adoçado)
- 2 caixas de leite condensado


Como preparar:

Reserve 1/2 caixa de leite condensado e 1/2 pacote de côco para fazer a cobertura, que é importante para que o bolo fique úmido! Depois aqueça o leite com 1 1/2 caixas de leite condensado. Quando estiver morno, misture a farinha e 1 1/2 pacotes de côco, mexendo devagar até se misturar bem.

A forma indicada é a redonda com furo, para poder desenformar com facilidade e ficar mais alto! Então prepare a sua forma, passando água na superfície, para ajudar a desenformar. Também vale salpicar um pouco de côco no fundo da forma para que desenforme mais fácil!

Feito isso, deixe esfriar e leve à geladeira. A massa vai ficar muito líquida, é assim mesmo! Você vai ver que dentro de uma hora já estará com carinha de bolo.

Desenformei o meu bolo com quase 4 horas, passando a faca nas bordas da forma. Cuidado para não deixar a massa cair, pois o nome já diz: é "bolo podre", e se cair vai se quebrar todo!


Para cobrir:

Derrame o restante do leite condensado sobre o bolo já desenformado e salpique com côco. No meu caso, fiz uma calda com 1 parte de leite condensado e 1 de leite, e usei côco em flocos para cobrir. Assim ficou mais úmido e menos doce! Mas a receita original leva o leite condensado derramado diretamente sobre o bolo, e fica delicioso também.

E aí, que tal? Muito fácil! Agora veja as fotos das fases, para ter certeza de que o seu estará certinho. :)

Um beijo da Paty e não perca tempo: vá lá e ensaie!


Na hora de ir para a forma, dá aquele medinho: fica muito líquido! Será que vai dar ponto? :)

Quatro horas depois, desenformado: deu certo!

E aí está nosso bolo de tapioca gelado, já com cobertura: começa a dar aquela água na boca...

...aí tem de provar um pedacinho! Essa calda ficou mais líquida porque, como falei no post, fiz uma calda com uma parte de leite e uma de leite condensado. Mas da próxima vez usarei apenas o leite condensado, que fica delicioso também!

Pedacinho <3






30 comentários:

  1. Que deliciaaa...
    Vou tentar fazer!!! :D

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rose, lembro que você comentou sobre o ponto, que não deu muito certo! A dica é mexer a massa até que fique com consistencia de massa de bolo mesmo, pois ela vai engrossando conforme você mexe. Só depois colocar na forma! Vou adicionar essa dica no post. Beijo!

      Excluir
    2. essa massa não vi ao fogo??? tentei fazer e depois de 6 horas tava do mesmo jeito ,ou seja aguada demais e não engrossou [fiz sem colocar no fogo ]tive vontade de colocar uma gelatina sem sabor para dar ponto será que da certo?

      Excluir
    3. Olá! Não, não vai ao fogo! Se fizer certinho como a receita, não tem erro! Deixe o leite morno, misture os ingredientes e misture bem até engrossar, depois leve à forma. Em três horas estará pronto para desenformar! Voce usou o leite normal, e a tapioca comum? Não pode ser a goma já hidratada, tem de ser aquela "granulada", pura!

      Excluir
  2. com leite de coco tbm deve ficar bom

    ResponderExcluir
  3. gostei !!!!!!!!111111
    vou tentar fazer.............

    ResponderExcluir
  4. Ai que delícia..
    Deu água na boca.

    Adorei seu blog.. uma pena não ter ainda mais ensaios....

    Mas falta de tempo é comum pra gente!!

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Kakau! Pois é, sobra pouco tempo para ensaiar e menos ainda para postar! Estou devendo um post de um bolo de milho verde (de lata) que ensaiei algumas vezes, e que vale muito a pena, e também da minha macarronada especial à bolonhesa. Vou tentar em breve! rs
      Obrigada, beijo!

      Excluir
  5. Segui passo a passo, e deu errado! Ficou duro, pedrificado mesmo. Não sei o que aconteceu, foi minha maior decepção! Será que usei o leite ainda quente ou 500gr de tapioca é muito? Vou tentar de novo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Eu sugiro que você verifique três coisas, para acertar o ponto do seu bolo: 1, verifique se o côco é integral, pois a quantidade de côco precisa ser pura, para deixar a textura "esfarelenta" do bolo; 2, antes de colocar na forma, mexa muito bem até que fique bem grosso, para evitar que a tapioca deposite e fique com aspecto "abatumado"; 3, precisa de bastante calda sobre o bolo para que fique úmido, porque ele absorve muito a calda. Se precisar, dissolva o leite condensado com leite e cozinhe um pouco, para então derramar sobre o bolo. Vai ficar bem liquido, mas depois é quase tudo absorvido e fica uma delícia! Tente de novo e me conte!

      Excluir
  6. Olá Galera! sou amante da culinária, e falando de tapioca nisso sou expert, gostei da simplicidade de sua receita Patrícia, aproveito para deixar uma dica, se utilizar o leite de coco ficará uma delícia, e pra quem gosta, salpicar canela em pó em cima do bolo dará aquele sabor espetacular, quanto à forma, pode ser utilizada também a de vidro, pra desenformar torna-se mais fácil ainda. Abraços e parabéns pela receita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Julio! Se quiser contribuir com alguma receita, pode enviar para o email contato@patriciamoresco.com.br: vamos ensaiar e postar sua receita por aqui!

      Excluir
  7. sou a mariana sera qe pode responder me ola patricia qeria saber se ele vai ao forno ou so na geladeira?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mariana! Só vai à geladeira mesmo, o único momento de "fogo" é para aquecer o leite, lá no começo da preparação da receita. Beijos!

      Excluir
  8. Vou fazer esse final de semana para minha namorada rs rs ela adora tapioca

    ResponderExcluir
  9. São 2 pacotes de coco ralado de 100g ou dois de 50g? Posso usar 1de 100g?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Pode fazer com apenas um pacote, mas eu costumo usar dois, como na receita, para que fique mais sequinho, com menos consistência de "pudim".

      Excluir
  10. Muito boa a receita, e sobretudo, muito fácil. No meu caso ao invés de 1 litro de leite coloquei a metade, de leite de côco. Ficou ótimo. Moro na Catalunha e o pessoal aquí não é acostumado a esse tipo de prato. Amaram!

    ResponderExcluir
  11. O meu está na geladeira fazem 4 horas e ainda está liquido =((((

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lare! Que estranho! Você deixou o leite morno? Antes de colocar na forma, você misturou bem até começar a engrossar? Me conte como ficou!

      Excluir
  12. Na boa, tentei fazer esse bolo duas vezes e deu errado, acho que no momento de passar os ingredientes de uma receita, já tem que se dar as dicas dos produtos a usar, como por exemplo o tipo de tapioca...já era pra ter sido dita que a tapioca tinha que ser granulada, e no momento de fazer avisar que tinha que que esperar engrossar, se olhar no modo de preparo não fala isso, somente nos comentários, gastei dinheiro e joguei fora...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Mas qual foi a tapioca que você usou, que não a granulada??? Sinto muito, mas não tem muito como dar errado... algum dos seus ingredientes deve estar influenciando! Mesmo que não mexa tanto, misturar é o mínimo que se deve fazer, certo? E aí já dá ponto... às vezes fica com consistencia de "pudim" mas é isso mesmo - quanto mais côco, mais granulado fica. Ensaiar também é experimentar! Faça os testes até descobrir o que é que não está dando certo! abraços

      Excluir
  13. Olá, Patricia! Tudo bem?
    Gostaria de saber como eu posso untar a minha fôrma, já que é um ''bolo gelado'' e não precisa levar ao forno! aguardo a sua resposta!
    beijos.
    Att: Noemi Alves

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Noemi! Não é necessário untar a forma, pode apenas lavá-la e deixá-la molhada mesmo. Para desenformar tem que ir aos poucos desgrudando com uma faca (dá um trabalhinho!), mas com paciencia dá tudo certo. beijos!

      Excluir
  14. A calda da etapa final vai ao fogo? Se sim, é colocada no bolo ainda quente? Grato

    ResponderExcluir
  15. Oii, estou fazendo esse bolo , e parece que vai ficar bom , daqui a pouco volto com mas comentarios bjus

    ResponderExcluir

Obrigada por participar deste ensaio gourmet!